Meus
Convidados
 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados
 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados
 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados
 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados

 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados
 


 


 
 


 


 

Meus
Convidados
 


 


 

Meus Convidados
Home :: Meus Textos :: Cap Shock :: Downloads
     
     
Poeta: Laura Limeira
     
Texto: Menina Escondida
     

Caminho nua, pisando leve pelo quarto 
Com passos lentos e sem pressa
Da janela observo as estrelas
E penso no mistério de uma delas...
 
Luz difusa que em nada ajuda no reflexo
Dos meus pêlos, minha pele, meus cabelos
No brilho dos meus olhos, minhas sagradas
Intimidades, repletas de desejos!

Na parede, o invisível da penumbra
Guarda uma menina escondida
Na sombra de uma figura envelhecida
De alguém que se cansou de tanta lida!

E nessa mudança, o sol que a acompanha
Nos encontros da unicidade do dia-a-dia
Desfruta, com a galhardia de um astro-rei
A companhia dessa mulher, plena magia!

Recife, 23.02.2004 - 03:12H
LauraLimeira@aol.com

Assinar Livro de Visitas - Novo Ver Livro de Visitas - Antigo
 


 


 

Visitante Nº
Contador de visitas
compteur de visite
Contador de visitas