Portal Cdor Heraldo Lage
HLAGE.COM.BR

É NÓISH NA FITA ! POLÍTICA ...

Conheça também o nosso Blog "É NÓISH NA FITA !"


A TURMA DO LULA ! NINGUÉM MERECE ! CLIQUE E ASSISTA !

Enviada por: Almendra 

A DEVASSIDÃO MORAL E ÉTICA
DAS ELITES DIRIGENTES
Autoria: Geraldo Almendra - 02/04/2006

 

Nota minha: E as Forças Armadas assistem a tudo isso impassíveis ?  Inertes ?
Será que eu estou mesmo no Brasil ?
Não estarei EU sonhando um pesadelo ?
Mamãe me acordeeeeeeeeeeeeeeee !!!
Parabéns Almendra !  Alguém precisa falar !
Mais triste é assistir quem poderia nos salvar...
Dormindo profundamente ! ...
ACORDA BRASIL !!!
Cdor Heraldo Lage
http://www.hlage.com

 
 

Diante do quadro de corrupção e prevaricação generalizadas, que caracteriza o desgoverno Lulla, conforme sistemáticas denúncias da mídia, e diversas investigações em andamento, somente votarão no filho de Caetés em outubro aqueles que se enquadrarem nos seguintes perfis de eleitores: fundamentalistas das origens socialistas do PT, fascistas, comunistas, ignorantes vítimas do assistencialismo populista, aproveitadores, exploradores do Estado, parasitas, corruptos, meliantes corporativistas públicos ou privados, ou aqueles que, apesar de tudo, continuam acreditando no apedeuta.

 

Esta crônica visa ressaltar a devassidão sócio-econômica do país promovida pelas elites dirigentes como, principalmente, a corrupção que tomou conta das relações públicas-privadas durante o atual governo, que não pode ter reconhecido qualquer mérito de sua administração, por ter sido coberta por um manto de denúncias e sistemáticas evidências de prevaricação, corrupção e prostituição política, que envergonham a maioria dos mais de 52 milhões de cidadãos que acreditaram na honestidade de propósitos e na palavra de um homem, que “pediu a Deus para tirar-lhe a vida se repetisse os atos corruptos e incompetentes de governos anteriores”. Apesar de sua grotesca traição a milhões de eleitores, continua sendo poupado do atendimento ao seu pedido, talvez por ser um apedeuta que não tem alcance racional dos danos que está causando ao futuro do Brasil.

 

Nosso propósito final é demonstrar a iminente possibilidade de um “líder” fascista-populista controlar o país e destruir nossa frágil democracia – após permitir a degradação ostensiva dos valores morais e éticos do poder público – sem a necessidade de um único tiro de chumbinho revolucionário.

 

Estamos diante do paradoxo da destruição da democracia com a cumplicidade da própria “democracia”, que insiste em sua covarde paralisia, pela falta de atitude da sociedade em se revoltar e protestar duramente nas ruas, diante dos inúmeros descalabros do desgoverno Lulla, que são sistematicamente denunciados por muitos veículos de comunicação.

 

Esta é a questão que insiste em nos atormentar a cada novo e quase diário exemplo de perfídia do poder público com o povo brasileiro. A experiência da tragédia política que estamos vivenciando, nos afirma, categoricamente, que estamos no caminho de um Estado totalmente capturado e dominando por um regime fascista, populista e autoritário, com os poderes da “Republica” servos das vontades políticas do Executivo.

 

Estamos testemunhando o avanço incontrolável do Nacional Fascismo Populista (NFP), livre designação alternativa de uma doutrina política comandada pelo presidente Lulla, resultado de sua própria ideologia e, com certeza, do histórico aconselhamento de um dos seus principais conselheiros, o “ex-primeiro-ministro” da Casa Civil, denunciado como o coordenador das ações de captura do Estado pelo corporativismo petista. Esta “inovação”  dos meliantes vermelhos no campo da “ciência” da prostituição da política, tem a seu favor, principalmente, os seguintes fatos:

 

– recebe os benefícios do covarde conluio dos felizardos banqueiros e das elites

  dirigentes que ficam cada vez mais ricas com suas aplicações financeiras nos títulos do

  governo que lhes remunera com a maior taxa de juros do mundo;

– conta, estrategicamente, com a degradação ideológica e operacional das Forças

   Armadas para não atrapalharem seus planos de impor um regime fascista-populista

   mancomunado os exploradores do povo;

– é sustentada politicamente na sociedade pela “compra” com verbas públicas do apoio

  de sindicatos, ONG´s e organizações estudantis;

– é financiada com os bilionários recursos dos dutos da corrupção;

– está conseguindo “negociar”, com a ajuda da “arte” da prostituição da política, a

   imposição do corporativismo entre os poderes da “República” em favor do Executivo;

– está sendo instituindo no país um Estado Policial para perseguir os inimigos políticos

   e os críticos do desgoverno Lulla;

– pratica sem controle o assistencialismo populista para iludir os pobres, os menos

   favorecidos, e todos os outros tipos de excluídos da pirâmide social, que são vítimas da

   falência do processo educacional, entre tantas outras barbaridades cometidas contra o

   país pelos governos que se sucedem, com o tácito apoio das elites dirigentes.

 

Temos tomado conhecimento pela mídia que a “inteligência” política dos fascistas tem muitos ninhos de ovos da serpente que foram chocados na luta pelo poder durante mais de vinte anos. Um trecho do documentário final do “Curso de Capacitação de Militâncias do Cone Sul” divulgado na Internet demonstra claramente o tipo de gente que está tentando traçar o destino do nosso país: "A massa pode não ter consciência dos problemas que tem" por isso "os dirigentes precisam saber formular propostas e ter a capacidade de convencer a massa de que estas propostas são as melhores". “A massa por si só não se organiza”, então deve haver um "grupo" que a dirija: "as tarefas de massa devem ser preparadas e discutidas no grupo... os grupos dão forma e corpo ao trabalho de massa". “Muitas vezes as aspirações dos dirigentes não são as mesmas da massa. Nesse caso, é preciso desenvolver um trabalho ideológico para fazer com que as aspirações da massa adquiram caráter político e revolucionário".(1)

 

O assassinato do prefeito Celso Daniel, encenado como se fosse um crime comum, conforme denúncias que continuam sendo investigadas, caracteriza o início da descoberta da corrupção petista na prefeitura de Santo André, que direcionava o produto do roubo do dinheiro público para o “caixa dois do PT”, que seria utilizado para financiar a eleição do presidente, de acordo com as revelações de seus familiares, que foram divulgadas na mídia.

 

Eleger o Príncipe da Prostituição da Política, e estruturar financeiramente o PT com o suporte do processo de captura e patrulhamento da máquina do Governo Federal, para fortalecer sua estrutura de poder, foram os objetivos iniciais do projeto do NFP.

 

Com o estelionato eleitoral de 2002, acompanhado de uma “exuberante” vitória do marketing mentiroso fascista que carreou milhões de votos de um povo cansado de governos incompetentes e corruptos, mas alimentado nas suas esperanças “de ser feliz novamente” com as promessas de justiça social do petismo, iniciou-se o projeto de tomada do poder pelo PT, com algumas vitórias e derrotas ao longo do atual mandato presidencial, que se encerra em outubro.

 

Os camaleões meliantes da troupe traidora dos ideais dos trabalhadores, mesmo não tendo sucesso na imposição da censura à impressa, ao controle da produção cultural e da proibição do comércio de armas, estão conseguindo – com a astúcia dos doutrinadores do NFP – iludir os pobres e os menos favorecidos através da bilionária “bolsa-manutenção-da-pobreza” que promove o aliciamento de mais de 30 milhões de mentes desprovidas de consciência crítica, entorpecer a consciência de milhares de estudantes e classes sociais abandonadas pelos governos anteriores com inúmeras “políticas” de inclusão social de caráter essencialmente assistencialista, além de impor o patrulhamento do Estado com seus milhares de militantes ocupando todos os cargos estratégicos disponíveis para disseminar o compulsório corporativismo a favor do Executivo.

 

Os resultados das pesquisas de opinião pública e a falta de protestos nas ruas demonstram a nefasta combinação da ignorância de um povo que não teve oportunidade de acesso a uma educação pública de qualidade para adquirir consciência crítica, com a vil cumplicidade da academia (pública e privada) formadora de opinião, com a cumplicidade ou omissão de uma mídia aliciada ou comprometida com a exploração do povo pelos poderes dominantes, e com a “compra” do silêncio ou do apoio de instituições civis, através da força aliciadora das verbas governamentais.

 

Adoradores de briga de galos criaram, com absoluto sucesso marqueteiro, o mito do defensor dos pobres, que prometia dar-lhes três refeições por dia, sob a influencia ideológica das ditaduras de Cuba e da Venezuela, fazendo do Príncipe da Prostituição da Política o representante latino de seu ideário populista-ditatorial. O “ônibus espacial petista” percorre o Brasil e o mundo levando sua “mensagem”, procurando apoio para as sementes do estelionato eleitoral que frutificaram e ameaçam a democracia no Brasil. Já temos, conforme denúncia feita na Internet, uma emissora de TV divulgando ostensivamente a doutrina do NFP do candidato a ditador apedeuta “honoris causa” do país.(2)

 

O maior erro da camarilha fascista vermelha foi o ato de traição contra o deputado Roberto Jefferson, que de aliado incondicional, se voltou ferozmente contra seus antigos parceiros, que estavam dispostos a colocar nas suas mãos talões de “cheques em branco” assinados, pela confiança depositada na sua lealdade ao desgoverno Lulla.

 

Com a corda no pescoço, pronto para ser friamente crucificado pelos novos sócios dos picaretas, o deputado denunciou a utilização de um processo de aliciamento do Poder Legislativo denominado “mensalão”, para que os projetos do governo fossem aprovados, aparentando uma “estabilidade política” nas relações no Congresso, e fortalecendo a capacidade do desgoverno de influenciar os mecanismos espúrios de obtenção de fundos para aumentar cada vez mais sua capacidade financeira de promover a reeleição do presidente, com vistas ao início da segunda etapa da conquista do país pelo NFP.

 

O que se presenciou então foi uma Tsunami devastadora de denúncias de imoralidade política e corrupção que fez do Legislativo, um poder da República ser desprezado pela maioria da população – que ainda têm alguma consciência crítica – em decorrência da degradação da moral e da ética pública, levada ao conhecimento de milhões de cidadãos durante as vergonhosas sessões das CPI´s, que se apresentaram como um festival de leviandades, mentiras, hipocrisias e um verdadeiro achincalhe ao povo brasileiro pelos denunciados chamados a depor, mas que estavam protegidos por habeas corpus e liminares autorizadas pelo STF que lhes davam o direito de ficarem calados ou faltarem com a verdade de forma grotesca e descarada.

 

Foi trazido à tona pela CPI dos correios, principalmente, um bilionário projeto de perpetuação no poder financiado por licitações fraudulentas, contratos milionários com empresas de comunicação entre muitas outras denúncias de roubo do dinheiro público que alimentaram o duto da corrupção fascista com mais de um bilhão de reais. Infelizmente seu Relatório Final, se feitas algumas alterações que estão sendo exigidas pelo PT, pode se tornar em mais um vergonhoso imbróglio para enganar o povo brasileiro.

 

Apesar dos valores envolvidos e da gravidade da corrupção institucionalizada e amplamente denunciada pela mídia e confirmada pelas CPI´s, ninguém ainda foi para a cadeia, seguindo o exemplo de uma cidadã pobre que roubou uma caixa de manteiga e ficou três meses na prisão aguardando julgamento, e somente voltou à sua  casa para  esperar o julgamento em liberdade, depois de muito trabalho do seu advogado. Onde está o meio código penal prometido para os meliantes corruptos que estão curtindo suas fortunas e suas famílias enquanto o povo morre nas filas de espera do SUS?

 

Estamos sendo confrontados com a verdadeira face da “Justiça” do país que está sendo comandado por um Estado Policial inspirado nas ideologias de criminalistas que se venderam ao NFP que controla o poder público, e que chegou a ponto de ter sua ideologia corporativista criminosa ser preservada pelos Tribunais Superiores do país através de liminares e habeas corpus, que limitam a capacidade dos órgãos investigativos para apurar as denúncias de corrupção e colocar na cadeia os meliantes da prostituição da política, que continuam soltos, zombando do povo brasileiro com o disparate de alguns deles continuarem prestando serviços ao governo. Enquanto as “vítimas civis da revolução” ficam ricas com indenizações milionárias e os corruptos continuam livres, leves e soltos, o povo continua trabalhando mais de cinco meses por ano para pagar a conta da libertinagem das relações públicas-privadas em nosso país.

 

Mais recentemente chegamos ao descalabro de presenciar, uma agressão frontal ao Estado Democrático de Direito efetivada com a quebra ilegal do sigilo bancário de um simples caseiro que teve a coragem de denunciar as mentiras do mais poderoso ministro da estrutura de governo petista, que está sendo investigado como o mandante do crime, e que havia sido identificado pelo caseiro como um dos visitantes de um local privativo onde se distribuíam malas de dinheiro “não contabilizado” e onde também eram promovidos encontros de garotas de programa com chefes de família insuspeitos e impolutos.  Ao mesmo tempo presenciamos estarrecidos, ao vivo e a cores, durante uma votação no Parlamento, a dança da vitória (dança da pizza) de um mensaleiro encenada com despudor por uma deputada petista que acabou de achincalhar definitivamente a imagem do Poder Legislativo perante o povo brasileiro.

 

Não nos surpreende saber pela mídia que já existem indícios de centenas de quebras de sigilo bancário feitos de forma ilegal com a cumplicidade de membros do desgoverno Lulla. A única coisa que pode nos surpreender é percebemos algum sinal de ética e moralidade no poder público do país, que está entregue ao comando de um pérfido corporativismo.

 

Diante da tragédia política que devasta nossa cidadania e agride todos os princípios da ética e da moral em nosso país, cabe a pergunta: que sociedade é esta que aceita sem qualquer resistência nas ruas, a permanência no poder público do país de um grupo de militantes petistas que traíram suas origens e querem implementar no país o Nacional Fascismo Populista a qualquer preço?

 

Uma forma de retratarmos nossa revolta e indignação fazer um grande coro, como se fossem nossas palavras, arrancadas do fundo dos nossos corações, algumas das contundentes colocações de um exemplo de cidadão – o escritor João Ubaldo Ribeiro – em seu recente artigo divulgado na Internet, “Me visitem na cadeia” (3)

 

Para aqueles que ainda têm alguma dúvida sobre as reais intenções dos estelionatários da prostituição da política,  e para os cidadãos que ainda amam sua pátria e que não estão se acovardando diante da ameaça totalitária, recomendamos que leiam atentamente o conteúdo do artigo “A dança do Olimpo” de L. Valentim publicado no endereço  http://www.geocities.com/lsvltn/.

 

Contestem os fatos e documentos; tentem provar que é tudo mentira; então, se decidam pelo combate ao fascismo populista em todas as frentes ou recolham-se em sua cumplicidade, omissão e covardia, para continuar assistindo a destruição do nosso país e a continuidade do lento genocídio dos pobres e dos menos favorecidos pelas elites dirigentes públicas e privadas, que sempre exploraram a ignóbil arquitetura de uma pirâmide social que nos qualifica como uma sociedade com uma das piores distribuições de renda e como um dos mais corruptos, dos paises em desenvolvimento.

 

 

Geraldo Almendra

02/abril/2006

 

 

(1) (Documento final do "Curso de Capacitação de Militâncias do Cone Sul" - de 19/04 a 08/05/99, em Sidrolândia-MS realizado pelo MST e subsidiada pelo governo do MS sob o comando de Zeca do PT)

(2) Conforme denúncia anônima na Internet, “O canal da NET,  TV NBR,   durante o dia veicula as várias inaugurações nas quais o Lula se faz presente de forma repetida.  Depois da meia-noite entra o CANAL INTEGRAÇÃO,  em espanhol,  enaltecendo as FARC, as invasões de terra,  etc.  Tudo indica tratar-se de retransmissão da TELESUR,  por enquanto atingindo Brasil, Venezuela, Cuba, Argentina e República Dominicana. Mas já anunciaram um aumento expressivo de potência. A retransmissora dessa TV está no morro da Rocinha/RJ, e teria custado da ordem de 18 mil dólares. Existem, ainda, retransmissoras instaladas no RS, PR, RJ (outra fora a Rocinha), PE.e MS.   Trata-se de uma TV mantida pelo nosso governo que disponibiliza documentários políticos, em geral vindos de Cuba, e Venezuela “.

(3)

– em relação à quebra do sigilo bancário do caseiro Francenildo: “... o governo demonstrou que não merece confiança e é destituído de escrúpulos...”.

 

– em relação à conduta do executivo: “... enganador, cara-de-pau, evasivo, fanfarrão, oportunista, ardiloso, demagogo e cínico...”.

 

– em relação ao assistencialismo populista do desgoverno Lulla: “... O povo é engabelado por cestas e bolsas mil, enquanto as reformas que efetivamente o redimiriam não vêm e tudo indica que não virão...”.

 

– em relação ao Congresso: “... abriga elevada população de faltos de hombridade, larápios, carreiristas, mentirosos, venais, descarados, aproveitadores e membros da futura escola de samba Unidos do Deboche, tal a desfaçatez com que perderam o senso dos limites e da compostura e acham que podem fazer qualquer coisa, inclusive transformar a Câmara em gafieira... !

 

– em relação ao comportamento da sociedade: “... Não é incomum que o cidadão não consiga agir corretamente porque o sistema é tão corrompido que não aceita a integridade — ela nos é cada vez mais uma estranha...”.

 

– sobre o Poder Judiciário: “o número de juízes desidiosos ou venais é imenso, o povo não tem confiança na Justiça e ela própria muitas vezes parece não alimentar respeito por si mesma...”.

 

– sobre nosso Sistema Político: “... falta um bom nome para designá-lo, pois democracia é que não é. Tentando assim de orelhada, ocorrem-me cacocracia, cleptocracia, hipocritocracia ou, melhor ainda, pornocracia, pois é muito menos pornográfico um travesti se exibindo na avenida Atlântica, para faturar um dinheirinho com os pais de família inatacáveis que constituem a parte mor de sua clientela, do que um vendilhão da pátria, um traficante de votos, um deslumbrado pelo poder, um criminoso disfarçado sob alegações grotescamente entortadas. E penso que nosso país é hoje moralmente flácido e desorientado...”.

 

Página Principal

Old
Guest Book

Assine meu novo Livro de Visitas
Free Guestbook from Bravenet.com
Livro de Visitas
Antigo