Portal Cdor Heraldo Lage
HLAGE.COM.BR
Grupo Amigos Verso & Prosa

É NÓISH NA FITA !
POLÍTICA...
Conheça também o nosso Blog "É NÓISH NA FITA !"


A TURMA DO LULA ! NINGUÉM MERECE ! CLIQUE E ASSISTA !

Enviada por: É NÓISH NA FITA !

BATE BOCA NO SENADO
Fonte: Pedro Paulo Rocha - 20-01-2005

 

 

BATE BOCA NO SENADO

 

O líder do governo no Senado Federal, senador Aloizio Mercadante (PT-SP), e os senadores Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) e Tasso Jereissati (PSDB-CE) promoveram um violento bate-boca no plenário do Senado, ontem, por causa de um discurso em que Mercadante fez críticas ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.
 

Mercadante, que pretende concorrer à sucessão de Alckmin, leu uma carta que recebeu do deputado estadual de São Paulo Romeu Tuma (PMDB), com críticas ao veto do governador ao projeto que proibia a utilização de máquinas de caça-níqueis.


Os ataques irritaram o presidente do PSDB, Tasso Jereissatti (CE), que se dirigiu às pressas ao plenário. Jereissati respondeu que Alckmin vetou a lei porque ela é inconstitucional, pois trata de temas da alçada da União. E emendou: Eu não pude deixar de vir e demonstrar minha perplexidade diante da insinuação que Vossa Excelência quis fazer aqui, principalmente sendo representante de um partido que tinha no alto comando no Planalto um cidadão chamado Waldomiro Diniz, ex-assessor da Casa Civil, e acusado de pedir propina da multinacional GTech.


Jereissati esqueceu, mas Waldomiro Diniz, o amigo de José Dirceu, foi aquele que o País inteiro viu, na televisão, pedindo propina mensal para bicheiro. Jereissati também esqueceu de citar que o governo do PT no Rio Grande do Sul, de Olívio Dutra, quis abrir a jogatina no Estado, por meio de decreto, que só foi anulado na Justiça, por iniciativa no Ministério Público da União.


Logo depois de Tasso Jereissati (PSDB-CE), o senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA) também subiu à tribuna e acusou petistas de serem os responsáveis pelos assassinatos dos prefeitos de Santo André, Celso Daniel, e de Campinas, Toninho do PT: O que está aborrecendo o senador Mercadante é que a CPI dos Bingos está realmente desmascarando todos os atos lesivos ao País, acobertados pelo PT, até mesmo os crimes praticados pelos petistas, como, está muito claro, o assassinato do Celso Daniel e do Toninho de Campinas. ACM lembrou que a CPI dos Bingos ouvirá o legista Paulo Vasques, que assinou laudo dizendo que Celso Daniel foi violentamente torturado antes de ser assassinado, e lembrou: O médico que fez a autópsia do prefeito, Carlos Delmonte Printes, foi assassinado. Printes, que afirmava q ue Daniel foi torturado antes de morrer, foi encontrado morto, e a polícia suspeita que tenha se suicidado. Vamos trazer o legista Paulo Vasques para depor. Um legista vocês já conseguiram matar.


Mercadante ficou irritadíssimo: Quem matou? Você está mencionando o meu envolvimento em alguma questão?


ACM continuou batendo: Vocês estão encobrindo crime, sim. Não querem que apure. Eu não estou dizendo que o senhor matou, não, seus correligionários mataram.

 

 

Página Principal

Old
Guest Book

Assine meu novo Livro de Visitas
Free Guestbook from Bravenet.com
Livro de Visitas
Antigo