Portal Cdor Heraldo Lage
HLAGE.COM.BR
Grupo Amigos Verso & Prosa

É NÓISH NA FITA !
POLÍTICA...
Conheça também o nosso Blog "É NÓISH NA FITA !"


OS AMIGOS DO LULA !  NINGUÉM MERECE !  CLIQUE NOS BONEQUINHOS !

Enviada por: É NÓISH NA FITA ! :o))

CARTA: DEPUTADA ÂNGELA GUADAGNIN
Autoria: Otacílio M. Guimarães  

  Nota minha: Faço minhas, ainda que por empréstimo, as palavras do Otacílio.
Parabéns, Otacílio M. Guimarães !   Sábias palavras de um Patriota !

Somos Patriotas !  Vamos em frente !

Cdor Heraldo Lage
http://www.hlage.com

 
 
  Deputada Ângela Guadagnin,

Assistindo o noticiário do principal canal de televisão da Austrália, onde estou, o SBS, quando noticiava fatos da América Latina reportou-se a profunda crise política em que o Brasil está mergulhado. Coisa incomum, porque aqui na Austrália pouco se dá importância a América Latina como um todo. Para minha surpresa, foi exibida uma reportagem sobre o congresso brasileiro, ilustrado com cenas da votação na Câmara dos Deputados que absolveu mais dois deputados corruptos e o fato marcante foi a exibição de um filme mostrando a senhora dançando samba em comemoração a absolvição dos dois salafrários. Depois disso, alguns comentaristas do noticioso teceram opiniões sobre o Brasil e a sua atual conjuntura política, todos manifestando espanto pelo que ai acontece.

Assisti a tudo isto numa sala de um hotel onde estavam umas cinqüenta pessoas de várias partes do mundo, turistas, e também alguns australianos. Depois da exibição da sua dança, uma senhora sentada ao meu lado, creio que americana, comentou com o marido:

- Querido, o Brasil está nessa situação? Que vergonha! E esta senhora é parlamentar? Mas que falta de decôro!

Muitos outros comentários desairosos a respeito do Brasil ouvi naquele recinto.

Senti-me envergonhado e sai da sala, recolhime-me a meu apartamento antes que descobrissem que eu era brasileiro. Diante da cena grotesca que acabara de assistir, não queria ser identificado como brasileiro. Claro que ninguém naquele recinto iria me hostilizar, pois eram todas pessoas educadas, mas a minha vergonha foi tanta que me recolhi e fui pensar. Muitas coisas passaram pela minha cabeça. Fiz um repeteco da minha vida. Da minha infância feliz, da minha adolescência movimentada e tão fértil, da minha idade madura e do meu progresso numa época em que o meu país tinha homens e mulheres de verdade. Isto foi há duas, três, quatro décadas atrás.

Estava eu morando em São Paulo quando o PT foi fundado. Ví a foto de seus fundadores, que a revista Veja publicou esta semana. As figuras naquela foto, entre as quais os senhores Lula da Silva, José Dirceu e Genoino, o advogado Grenhald e outras figuras bisonhas me deixaram a impressão de que ali estava a foto de um grupo de mafiosos. Bastou-me examinar o aspecto estético dos elementos que apareciam na foto para ter essa impressão: trata-se de um grupo de desqualificados da pior espécie.

Não imaginei, naquela época, tantos anos atrás, que aquele grupo de desqualificados, picaretas, ladrões, ignorantes, mal intencionados, terroristas, comunistas (comunista bom é comunista morto), ladrões de banco, seqüestradores, torturadores, assassinos e muitos outros qualificativos mais, viessem um dia tomar de assalto o meu país aproveitando-se de uma democracia imberbe e da ignorância, boa fé e despreparo de um povo para ver na cara de um safado a cara de um safado.

Aconteceu o que eu nunca imaginei. Aqueles 17 picaretas que deveriam ter sido eliminados pelo poder vigente à época, por serem inimigos da pátria (revolução que se presa começa por eliminar os inimigos da pátria) hoje, com a ajuda de novos picaretas que foram surgindo, se apoderaram do país e hoje dispõem dele ao seu bel prazer, vilipendiando, humilhando, roubando, assassinando (Celso Daniel e Toninho) e praticando toda sorte de indignidades que nem a antiga Roma dos Césares conheceu.

Se eu acreditasse na doutrina espírita, estaria convencido de que o senhor Lula da Silva seria a reencarnação de Nero ou Calígula. Em tempos modernos, poderia ser a reencarnação de Hitler ou Mussoline. Quem sabe de Stalin... Todos estes citados provocaram a destruição física e moral de seus países. Mas o fim deles é conhecido pela história, porque no fim o bem prevalece sobre o mal. Isto é uma lei universal da vida. Os desonestos, os devassos, os arrogantes, os mal intencionados, os ladrões, os corruptos, os amorais, os destrutivos, os destituídos de valores, todos serão consumidos pelas leis da vida e acabarão na desgraça. Poderão até acabar muito ricos e cercados de conforto e de bajuladores, mas a sua miséria moral os levarão à morte de forma melancólica. Porque todos um dia morrerão. E quando esta chegar, na hora finalis, todos vão saber o que foram em vida.

Dito isto, quero agora tecer algumas considerações sobre sua pessoa. É meu direito como cidadão brasileiro e é seu dever agüentar, por se tratar de uma pessoa pública.

O que é público não tem privacidade, e quem cuida da coisa pública pode e deve ser fiscalizado por quem gera os recursos para a manutenção da coisa pública. Quem gera esses recursos que sustenta a coisa pública é o povo. E eu sou povo. Pago impostos e cumpro com o meu dever de cidadão. Por isto, me sinto no direito de lhe dizer o que vou lhe dizer.

Sua atuação na vida pública foi deplorável. Que o diga Paulo de Tasso Venceslau, que tanto lhe ajudou e a quem a senhora traiu vergonhosamente. Paulo de Tasso é um homem íntegro e competente, coisa que a senhora nunca foi. Nem a senhora e nem essa quadrilha do seu partido que hoje envergonha o Brasil, a começar pelo seu chefe, o presidente Lula.

Quando a senhora foi prefeita de São José dos Campos Paulo de Tasso foi seu secretário de finanças. Nós dois conhecemos esta história, portanto não preciso me alongar. Na mesma época o senhor Antônio Palocci era prefeito de Ribeirão Preto. A senhora e Palocci sempre foram amigos de um japonês mafioso chamado Okamoto, que gosta de pagar as contas do presidente e de sua filha bastarda, Lurien ou Lurian.

Paulo de Tasso foi expulso do PT quando denunciou as falcatruas que a senhora, Palocci e cia. praticavam nas prefeituras de São Paulo dominadas pelo PT. Celso Daniel e Toninho não tiveram a sorte de Paulo de Tasso, que continua vivo.

Dito isto, devo lhe dizer mais uma coisa:

Jurei a mim mesmo que se um dia esse bestiólogo chamado Lula fosse presidente do meu país, eu sairia e iria viver em um país decente. É por isto que eu estou hoje na Austrália. Jamais admitiria viver em meu país governado por um analfabeto irresponsável e inconseqüente como é o senhor Lula da Silva e sua quadrilha. Antes que esse alucinado transforme a minha pátria numa Cuba miserável, eu vou embora.

Acontece que sou patriota e amo o meu país. Por isto, vou voltar para trabalhar 24 horas por dia todos os dias até as eleições para ajudar, junto com milhões de brasileiros decentes, a mandar o senhor Lula e seu PT para os quintos dos infernos.

Mais uma consideração sobre a senhora.

As meninas que a Jane Mary Corner levava para aquela mansão de Brasília para satisfazer os instintos sexuais da República de Ribeirão Preto, comandada pelo chefe Palocci, merecem muito mais o meu respeito do que a senhora.

Na gestão Lulla da Silva, a senhora deveria ser eleita a Primeira Prostituta do Brasil.

Só espero que os imbecis que a elegeram deputada (ou seria a da putada?) tomem juízo e mandem a senhora de volta ao seu consultório. Ai eu vou lamentar pelas criancinhas que a senhora atender.

Vá se danar, da putada, esse país, apesar dos pesares, ainda tem homens.

Otacílio M. Guimarães
 

Página Principal

Old
Guest Book

Assine meu novo Livro de Visitas
Free Guestbook from Bravenet.com
Livro de Visitas
Antigo