Portal Cdor Heraldo Lage
HLAGE.COM.BR
Grupo Amigos Verso & Prosa

NOSSA HOMENAGEM AO GRUPO GUARARAPES !
COORDENADOR GEN TORRES DE MELO
NOSSA HOMENAGEM ÀS FORÇAS ARMADAS DO BRASIL !

É NÓISH NA FITA !

GRUPO GUARARAPES

AUMENTO DE DEPUTADOS

GRAVE E URGENTE !

 

ESTAMOS PEDINDO PARA QUE ENVIEM PARA O CONGRESSO

AS DUAS MENSAGENS DE

Yara Monteiro Russel e Ana Prudente. Temos que pressionar.  gtmelo

 Assunto: Projeto para aumentar vagas de deputados

Prezado Sr. Deputado Aldo Rebelo:

Gostaria de saber se a Câmara perdeu a noção de perigo. Vocês estão brincando com um povo de um país inteiro.

Hoje estamos todos conectados a Internet, e, podem ter certeza, líderes para levar a massa do povo têm, só não se predispuseram ainda, esperando para ver como vai ficar, depois que soubemos de tudo que V. Exas. fazem.

Hoje, com raríssimas, mas raríssimas exceções, temos vergonha de nossos representantes. A maioria de V. Exas. é corrupto, vendavel, conchaveiro, seja do partido que for, e é por isso que o povo brasileiro vota em pessoas e não em partidos.

Apesar de não ter idade, vivi a época getulista através de meu pai, que trabalhou direto com Getúlio, e meus tios, que eram das forças armadas. Vivi a época JK, a tentativa de golpe do Jânio, a ditadura militar, e esses atuais governos ditos democráticos. Que vergonha esses últimos ! Quanta maracutaia e lama envolvendo os governos e V. Exas.

Assim, parem de tentar criar cargos, de aumentar seus salários e tentem reduzir essas vergonhosas férias para 30 dias somente, que é o que o povo tem. Tirem salários extras, porque não tem lógica. V. Exas. trabalham muito menos que qualquer um de nós. Essa droga de Câmara funciona de terça a quinta, pois segundas e sextas praticamente não tem ninguém.

O que V. Exas. pensam, que não estamos vendo tudo isso ? Que não estamos ficando revoltados a cada dia mais ? Está faltando pouco, mas muito pouco, para este povo se unir e tomar uma providência. Nosso limite está chegando ao fim.

Sou anticomunista ferrenha, por isso não gosto de seu partido e de V. Exa., mas acredito que seja uma pessoa de bom senso, que deverá procurar equacionar as coisas dentro do socialismo e de acordo com a vontade do povo, senão as consequências não serão nada boas.

A todos vocês, que me lêem em cópia, e que não são dos grupos da Ana, leiam com atenção o texto dela, e vamos começar a nos mobilizar para mudar este país, pois do jeito que está não pode ficar. NÃO DEVEMOS MAIS VOTAR NESSES DEPUTADOS que estão aí hoje. Vamos procurar estórias de vida de honestidade e integridade, para formarmos um outro Congresso, com gente com vergonha na cara.

Yara Monteiro Russel

De: Ana

Senhores(as)

Contato-os em nome de muitos grupos que acompanham de perto tudo o que vêm ocorrendo dentro da Câmara, sendo esta a razão que solicito que leiam não como uma manifestação pessoal e sim, de parte de um grande número de cidadãos.

A apresentação deste projeto nos leva a crer que os senhores ainda estão nos embalos das festas de fim de ano, sem que tenham retornado à sobriedade necessária para que representem esta casa parlamentar. A proposta de aumentar o número de deputados é uma ofensa à sociedade brasileira, ainda mais com a justificativa apresentada. Se consideram injusto que um estado possua mais deputados que o outro, que remanegem as vagas que já existem, estas que já consideramos altamente abusivas. Não aceitaremos calados aumento de vagas e caso os senhores tenham consciência que estão deputados para representar o povo, desistirão imediatamente de tentar inflar ainda mais este "balcão de empregos" que se tornou a Câmara Federal.

Quanto à manifestação do Sr Marcelo Ortiz, tal que defende não só o pagamento de dois salários extras pela convocação mas também mais um aumento de salário aos parlamentares, fico até sem palavras para qualificá-lo pois parece que este deputado está vivendo numa realidade que não é a nossa. Pode ser que viva em Pasárgada, não aqui e portanto, não deveria estar fazendo parte do nosso parlamento, já que não aceitamos estrangeiros para nos representar.

Peço perdão pela sinceridade mas sugiro aos deputados que procurem um tratamento psiquiátrico urgentemente, antes que consigam danificar ainda mais a ética e a moral no Brasil.

Ana Prudente

Empresária/SP

PS: Segue com cópia para a Comissão de Ética e toda uma lista de contatos e grupos.

 

Projeto para aumentar vagas de deputados entra na pauta

PSDB quer Câmara com 541 parlamentares e votação será feita na convocação

Karla Correia e Renata Moura

BRASÍLIA - Não bastou o desgaste causado pela ausência de congressistas durante a convocação extraordinária, que custou R$ 100 milhões aos cofres públicos. A Câmara incluiu em sua pauta da convocação projeto de lei complementar que aumenta o número de deputados no Congresso, dos atuais 513 para 541.

A proposta, que está na primeira pauta de votações do ano em regime de urgência, dia 16, vai na contramão da tentativa do presidente da Casa, Aldo Rebelo (PC do B - SP) em melhorar a imagem da Câmara propondo o corte do salário extra de deputados durante as convocações. O projeto que também consta em regime de urgência da primeira pauta de votação do ano, na volta dos trabalhos da Casa.

O texto, de autoria do deputado Nicias Ribeiro (PSDB-PA), foi sugerido à Mesa da Câmara pelo líder do PSDB na Casa, Alberto Goldman (SP), a pedido do autor da idéia. A intenção, expressada na justificativa redigida por Nicias Ribeiro, seria corrigir distorções e equilibrar a representação dos Estados na Câmara.

Dessa forma, os estados do Rio Grande do Sul e do Pará seriam os contemplados com maior número de parlamentares, com acréscimo de sete e cinco deputados, respectivamente. Por sua vez, Minas Gerais perderia dois deputados. O Rio de Janeiro teria uma vaga a menos, também.

Só que, levando-se em consideração apenas os salários dos deputados, verba de gabinete, verba indenizatória e auxílio-moradia, o impacto financeiro da proposta seria de R$ 31 milhões anuais nos cofres públicos.

Uma medida nem um pouco simpática, sobretudo no momento em que os salários extras pagos aos deputados em nada justificam o vazio que se instalou na Casa, nos 20 dias de convocação, estimulado pela dispensa da realização de sessões plenárias no período. A impopularidade da convocação foi tamanha que a devolução dos salários pagos acabou se tornando palanque para vários deputados. Ao todo, 65 congressistas retornaram os dois vencimentos que receberam a mais pela convocação.

Mas não convenceu a todos com seu argumento. É o caso do deputado Marcelo Ortiz (PV-SP), que defende não só o pagamento da convocação como o aumento do valor dos salários dos parlamentares, que ele julga serem ''muito baixos''.

- Esses R$ 12 mil acabam virando R$ 9 mil, no final das contas. Ou R$ 8 mil, para quem tem de contribuir com o partido. É muito pouco para quem tem de tomar tantas decisões, ficar dividido sobre qual caminho seguir - afirmou Ortiz, criticando a atenção dada pela imprensa ao vazio da Casa e ao custo da convocação extra.

A declaração foi dada ontem em sessão do Conselho de Ética. As atividades do Conselho de Ética, um dos motivos alegados para a convocação, só voltaram a acontecer ontem.

Fonte: Jornal do Brasil, 10 de janeiro de 2006
 

Página Principal

Old
Guest Book

Assine meu novo Livro de Visitas
Livro de Visitas
Antigo